A cura para a rotina

Sem hora para acordar, comer, dormir ou fazer qualquer coisa.

Não há grandes planos nem metas, apenas um simples desejo que o ócio se encarrega de cumprir: ficar em paz…

Barulho? De vez em quando escuto as ondas quebrarem na praia da sacada do meu quarto, revezando com a garoa da noite ou até mesmo com os passarinhos que cantam por aqui.

De férias e em Porto Seguro, na Bahia, descobri a cura para a rotina.

Hoje foi meu primeiro dia aqui e ele me trouxe uma sensação libertadora: a de que é possível “esvaziar-ze”, não pensar em nada, não ter com o que se preocupar…

Todo mundo tinha que saber o que uma simples mudança na rotina pode fazer a alma.

Estou a algumas horas de tudo o que me faz feliz, me preocupa e toma o meu tempo diariamente, mas estas poucas horas me fizeram enxergar o que a minha rotina não me permite ver com exatidão: o quanto é preciso ficar distante de tudo às vezes, para ficar mais próximo de si mesmo.

Começo a gostar de passar alguns dias comigo…

Fernanda La Salye
Anúncios

Um comentário sobre “A cura para a rotina

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s